O LX Factory foi vendido a um grupo francês
FOTO: LX FACTORY/FACEBOOK

LX Factory vai passar a falar com sotaque francês

Redação SPOT+

O empreendimento foi comprado pela Keys Assets Management, que pretende manter o conceito existente, abrindo portas à requalificação do espaço para atrair empresas e serviços, com uma aposta na organização de eventos.

A LX Factory pertencia à portuguesa Mainside e, segundo apurou o Negócios, a operação foi concluída nos últimos meses, sem que o negócio ou os valores envolvidos tenham sido negociados.

O objetivo da Keys Assts Management é manter o espaço enquanto pólo cultural e empresarial, uma vez que querem fazer render o conceito existente enquanto espaço para empresas, serviços e vida social, procedendo apenas a algumas obras de requalificação.

Esta requalificação inclui a reabilitação do espaço para acolher várias empresas e negócios que tenham interesse em integrar o empreendimento. Atualmente, há cerca de 200 empresas sediadas na LX Factory.

Além do interior, a empresa tem planeadas obras ao espaço exterior, no que diz respeito às ruas envolventes, para melhorar o trânsito automóvel.

Um terceiro aspeto que o grupo francês pretende implementar na LX Factory será o arrendamento de vários espaços para a realização de eventos.

Veja também
Também tem uma história para contar?
Queremos saber!