Arroios Film Festival

Arroios Film Festival arranca hoje com passo importante para inclusão de invisuais

A 2ª edição do festival cinema mais inclusivo do nosso país arranca hoje e chega com mais e melhor do que no ano passado. O Arroios Film Festival vai ter 38 curtas-metragens em competição, concertos e uma sessão com audiodescrição para invisuais.

O Arroios Film Festival vai arrancar este sábado, na freguesia mais multicultural do país. Arroios tem habitantes de mais de 90 nacionalidades, e a diversidade cultural está bem patente no cartaz do evento este ano.

O Arroios Film Festival, que está sob direção do realizador iraniano Reza Hajipour, vai apresentar ao público 38 curtas-metragens, que nos chegam de todos os cantos do mundo. Uma seleção feita a partir das mais de 3540 candidaturas de 122 países.

África do Sul, Alemanha, Brasil, Canadá, Coreia do Sul, Croácia, Eslovénia, Espanha, Estados Unidos, Filipinas, França, Índia, Irão, Itália, Marrocos, Portugal, Reino Unido e Sérvia são os países que vão estar representados no festival, com curtas-metragens nas categorias de “Ficção”, “Animação” e “Documentário”.

Os prémios para as melhores curtas deverão ser entregues no dia 16 de setembro.

Mas a inclusão não se fica pela multiculturalidade. O Arrois Film Festival vai fazer algo nunca antes visto em Portugal. Pela primeira vez, vai haver uma sessão de cinema com audiodescrição, especialmente dedicada aos invisuais, no dia 16 de setembro, pelas 19 horas.

A sessão, contudo, vai ser limitada a dez pessoas.

Os espectadores podem esperar pela descrição física dos personagens e dos ambientes.

Para além dos filmes, este ano vão haver concertos ao vivo. Pode ver toda a programação aqui.

Veja também
Também tem uma história para contar?
Queremos saber!