Rotweiller
Pixabay

Tem que parar já de dar estes alimentos ao seu cão

Há alimentos proibidos para os cães e alguns podem mesmo matá-los. É verdade, o seu amigo de quatro patas não pode comer tudo o que se come em casa.

Nem tudo o que sobra das refeições faz bem aos animais, mesmo que para si sejam alimentos bastante saudáveis. São animais com organismos diferentes e que digerem os alimentos de forma diferente dos humanos.

Se costuma dar algum destes alimentos ao cão, tem que parar imediatamente.

Refeições com alho e cebola

Costuma usar alho e cebola na preparação das suas refeições? Se sim, faz muito bem. São óptimos alimentos, mas para os humanos. Nesse caso, não deixe o seu cão comer o que sobrar do jantar. O alho e a cebola têm substâncias tóxicas para o organismo dos cães, deixando-os cansados. Além disso, afetas-lhe a urina, que fica alaranjada, sendo por vezes necessária uma transfusão de sangue, dependendo da intensidade com que os tóxicos afetaram as células do animal. São alimentos perigosos e por isso devem estar fora do regime dos amigos de quatro patas.

Bacon

Proibido o consumo deste alimento por parte dos canídeos. É rico em gorduras que podem levar ao desenvolvimento de pancreatite, que resulta na incapacidade de absorção de nutrientes. Provoca ainda diversos problemas de digestão.

Pedaços de fruta

Parece inocente, mas não é. A fruta é ótima para os humanos, mas tem consequências muito graves para os cães. Uvas, maçã, pêssego, pera e ameixas, por exemplo, podem conter glicosídeos cianogénicos, uma substância de defesa que liberta cianeto de hidrogénio. Problemas: tonturas, desmaios, convulsões e, em casos mais agressivos, coma.

Leite

O leite é também de evitar nos animais. Tal como muitos humanos, os cães também podem desenvolver intolerância à lactose, só que não têm como se queixar ou diagnosticar autonomamente. Se já observou vómitos, diarreia ou outros problemas de digestão no seu cão, lembre-se se lhe deu leite para beber. Se deu, então pare já.

Chocolate

O caso do chocolate é mais conhecido. Regra geral, os donos sabem que não podem dar este doce aos cães. Mas conhecem as razões por detrás desta proibição? É que o cão pode mesmo morrer após a ingestão. O chocolate tem um composto chamado xantina, que provoca convulsões e vómitos, aumenta a temperatura do corpo dos animais e pode acabar mesmo em morte.

Se costuma ter cuidado, então continue. Se alguma vez alimentou o seu companheiro de quatro patas com algum destes alimentos, então tem de parar porque está a prejudicar a saúde dele.

Veja também
Também tem uma história para contar?
Queremos saber!